Prouni 2015 – Programa Universidade para Todos

O Prouni, que também é chamado de Programa Universidade para Todos, foi criado através da MP nº 213/2004 e institucionalizado pela Lei nº 11.096, de 13 de janeiro de 2005. Este programa tem como finalidade a concessão de bolsas de estudos integrais e parciais para todos os estudantes de baixa renda nos cursos de graduação e ainda sequenciais de formação específica em instituições privadas de educação superior, oferecendo ainda a isenção de alguns tributos àquelas instituições que optarem por aderir ao Programa.

A implementação do ProUni, somada a criação de várias universidades federais, amplia de forma bastante significativa o número de vagas na educação superior, dando novas oportunidades de acesso a educação pública e privada de qualidade para um número muito maior de estudantes, combatendo as desigualdades provocadas pela disputa desleal com aqueles que possuem condições de arcar com investimentos em cursinhos preparatórios para acesso ao ensino público. Apesar de estar em vigor já há algum tempo, muitas pessoas ainda contam com muitas dúvidas a respeito do ProUni. Confira a seguir como funcionam os processos de Bolsa Prouni.

logo-prouni

Prouni 2015 – Inscrição

As inscrições para o Prouni 2015 começam no início do ano, as datas, porém, serão divulgadas apenas antes do início das inscrições. Para concorrer às bolsas Prouni 2015 os candidatos deverão ter aprovação com nota superior a 450 pontos e não ter zerado a prova de redação do Enem. Esta certamente é uma excelente alternativa para as pessoas que querem ter uma carreira no mercado de trabalho melhor do que a comparada atualmente, bem como a facilidade e a vantagem de poder estudar em faculdades privadas de forma facilitada e gratuita tendo assim Direito ao Prouni para exercer esse direito adquirido com base nas notas do Enem 2014 e dos demais requisitos estabelecidos pelo Prouni 2015.

Como fazer a inscrição do Prouni 2015?

prouni-2013

Para quem tem interesse em concorrer a uma bolsa de estudos em alguma instituição particular de educação superior que seja conveniada ao programa do Governo Federal, não poderá perder os períodos de Inscrição Prouni 2015. As inscrições para as vagas do primeiro semestre ainda não foram divulgadas pelo MEC, porém, ela é esperada para meados de janeiro, período de férias e que antecede o início do primeiro período dos cursos superiores.

Como funciona o Prouni?

As vantagens do prouni são diversas, o programa permite que todos os estudantes de escolas públicas brasileiras que não passaram nas Universidades Federais tenham a chance de estudar em universidades particulares com isenção parcial ou total da mensalidade que é bancada pelo Governo Federal.

Para ter acesso às universidades particulares, o PROUNI oferece para os candidatos bolsas parciais que dão direito de 50% de descontos nas mensalidades para alunos onde as famílias ganham um salário de até três salários mínimos de renda e também bolsas integrais, com 100% de desconto das mensalidades para alunos de famílias que ganham até um salário mínimo e meio por mês. Para que você possa realizar a inscrição no PROUNI, alguns requisitos devem ser respeitados, como: o candidato não deverá ter nenhum diploma de ensino superior e também deverá ter tirado mais de 450 pontos na média nas cinco notas do Novo ENEM, além disso, deve ter estudado em escolas públicas ou particulares (como bolsistas) durante o ensino médio.

Principais vantagens do Prouni

O PROUNI é um dos principais programas do Governo Federal relacionado à educação e que oferece uma série de vantagens, não apenas para os alunos beneficiados, mas também para as Universidades que ganham incentivos fiscais e para o próprio país que prepara mão de obra especializada para as mais variadas áreas de trabalho, proporcionando assim, o crescimento da qualidade dos serviços prestados no Brasil, fazendo do país uma referência nos mais variados campos, da tecnologia a agricultura.

Com o Prouni, o sonho do acesso ao ensino superior de qualidade ficou muito mais próximo de ser concretizado, e para isso, basta um bom desempenho no ENEM, outro programa do Governo Federal. Por isso, não deixe de estudar cada detalhe exigido na prova do ENEM para que você atinja todos os requisitos para concorrer a Bolsa Prouni.

Quem tem direito ao Prouni?

Não é todo o futuro estudante do ensino superior que tem direito a bolsa integral ou parcial de estudos em uma faculdade particular pelo PROUNI. Se tiver interesse em ganhar uma bolsa integral é preciso que a renda familiar por pessoa seja de até um salário mínimo e meio. Se a sua família tiver uma renda por pessoa de até três salários mínimos é possível conseguir uma bolsa parcial de estudos de até 50%.

É preciso, ainda, ter atingido uma média de 450 pontos nas cinco notas do ENEM e não ter zerado a redação, além de ter cursado todo o ensino médio em escolas públicas ou como bolsista em escolas particulares. Pessoas com Deficiência e professores da rede pública que estejam atuando na profissão também têm o direito ao PROUNI (no caso dos professores, o direito é apenas para cursos da área de Licenciatura, Normal Superior ou Pedagogia).

Lembre-se: caso você já tenha feito um curso superior (independente de ser bacharelado ou tecnólogo), você não tem direito ao Prouni.

E preste atenção: Não adianta tentar enganar o Governo mostrando documentos falsos que comprovem uma renda compatível com a exigida pelo programa, pois, constantemente, são feitas averiguações para comprovar a renda declarada pelos bolsistas.

Tipos Bolsa Prouni

As bolsas oferecidas podem ser parciais ou integrais. Os alunos de bolsas parciais deverão ter uma renda de no máximo três salários mínimos por habitante da casa e para bolsas integrais os alunos deverão ter uma renda de no máximo um salário mínimo e meio por habitante da residência. É preciso que exista uma comprovação dessa renda, e caso ela não aconteça, o aluno mesmo que aprovado pelas notas do ENEM não terá direito a bolsa.

Posso escolher qualquer curso superior com a Bolsa Prouni?

bolsas-prouni
O aluno poderá ingressar em qualquer curso de nível superior com a Bolsa Prouni, desde que a instituição que oferte o curso esteja devidamente inscrita junto ao Ministério da Educação.

É claro que esse simples fato não basta para o aluno optar por um curso superior com a bolsa do Prouni. A faculdade oferece um número específico de vagas para bolsistas, de acordo com o total de vagas que o curso tem disponível, e, além disso, o aluno concorrerá com outros candidatos e, nesse caso, quanto melhor o desempenho no ENEM, mais chances o aluno tem de conquistar a bolsa.

Por isso, muita atenção durante a prova do ENEM é fundamental para concorrer as melhores bolsas das melhores universidades.

Outra dica é que você pode se inscrever em até 3 cursos diferentes (em faculdades diferentes), aumentando suas possibilidade de acesso a Bolsa do Prouni.

Relação entre o Prouni e o Enem

Até agora, muito se falou do ENEM como algo muito correlato ao Prouni. Em todos os momentos foi dito que um bom desempenho na prova do ENEM é fundamental para ter êxito na tentativa de conquistar uma bolsa do Prouni – 450 de nota média e não zerar na redação . Mas, afinal das contas, qual a relação entre esses programas do Governo Federal?

O Prouni, que é a chamada Universidade Para todos, é um programa que se utiliza do Enem para distribuir as bolsas de estudos entre os alunos que não conseguiram passar em vestibulares do ensino público e optaram pelas universidades particulares.

estudantes-prouni

Quanto maior sua nota no ENEM, maiores são as chances de conquistar uma bolsa do Prouni nas universidades cadastradas, desde que, o candidato preencha os requisitos obrigatórios de renda e histórico escolar em instituições públicas, como já dito acima, além das boas notas no ENEM.

Diferenças entre o Prouni e o Sisu

O Prouni oferece oportunidades para candidatos que queiram estudar em escolas de ensino superior privadas, onde o candidato poderá utilizar a nota obtida no Enem para se candidatar a bolsas que podem ser de até 100%. Já no Sisu, as universidades públicas escolhem seus alunos para preencherem vagas exclusivas para aqueles que tiveram um bom desempenho na prova do ENEM, logo, a diferença é que o Prouni encaminha o estudante para as instituições privadas e o SISU para as instituições públicas.

Preciso fazer o vestibular para concorrer a Bolsa Prouni?

Não se preocupe com o vestibular, pois se você optou pelo ingresso no ensino superior particular pelo PROUNI você está isento do vestibular tradicional. Seu foco deve ser apenas no ENEM, que, ao que tudo indica, num curto prazo, substituirá quase que 100% dos vestibulares tradicionais de instituições públicas e privadas.

Mas fique atento: algumas instituições de ensino superior optam por um processo seletivo entre os candidatos às bolsas oferecidas. Esses processos são gratuitos e têm como objetivo selecionar os melhores alunos que optaram por se candidatar ao curso ofertado pela instituição.logo-prouni

Comente agora!

Deixe seu comentário

Escreva seu comentário